Brasileiros criam spray que utiliza nióbio para desativar o coronavírus

Brasileiros criam spray que utiliza nióbio para desativar o coronavírus

Recentemente, os pesquisadores da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) desenvolveram um spray anticovid à base de nióbio, que está sendo produzido pela Nanonib, uma startup mineira.
O produto é capaz de proteger as mãos por até 24 horas contra o coronavírus SARS-CoV-2.

Segundo a reportagem da Folha de S. Paulo, o governo brasileiro financiou uma parte da produção do produto, destinando ao projeto, cerca de R$500 mil, através de um edital específico para o combate à covid-19 no país.
Entrevistado pela Folha, um dos sócios da Nanonib, o professor da UFMG Luiz Carlos Oliveira, explicou que o spray, batizado de Innib 41, foi produzido com uma molécula desenvolvida na universidade mineira antes mesmo da pandemia. Ele garante que a substância tem ação eficaz contra 18 tipos de bactérias e também contra o coronavírus.
Voltar para o blog

Deixe um comentário