Cientistas desenvolvem 'ar-condicionado' sem eletricidade - H.MAN

Cientistas desenvolvem 'ar-condicionado' sem eletricidade

De fato, as ondas de calor têm atingido países do mundo inteiro e provocado inúmeros desastres ambientais.

Paralelamente, a crise energética tem forçado a humanidade a priorizar a utilização de energia limpa. Nesse cenário, surgiram várias iniciativas para reduzir o consumo de eletricidade.

Entre elas, uma das mais engenhosas foi, sem dúvidas, a criação de pesquisadores da Arábia Saudita, que reuniu o melhor dos dois mundos: um sistema de resfriamento que não utiliza energia elétrica.

Desenvolvido pela equipe da Universidade de Ciência e Tecnologia Rei Abdullah (KAUST), o sistema é capaz de resfriar um ambiente inteiro ou refrigerar alimentos a 3,6 ºC utilizando apenas sal e luz solar. Além disso, o método é altamente reutilizável em outras partes do globo, basta que tenham acesso à luz solar abundante.

O projeto tira proveito do fenômeno natural de "mudança de fase", quando os cristais de sal se dissolvem na água quente — que esfria rapidamente à medida que o sal se dissolve.

O tipo de sal escolhido pelos profissionais foi o nitrato de amônio, devido à sua alta solubilidade em água, grande poder de resfriamento e custo-benefício. Além disso, o sal pode ser cristalizado e reutilizado após ser dissolvido pela evaporação da água. Ou seja, uma vez coletado, ele se torna uma forma de energia solar armazenada, pronta para uso quando necessário.

Voltar para o blog

Deixe um comentário